Estamos cobrindo o maior evento de tecnologia, Campus Party Brasil 2013. Nenhuma novidade até aí. Sempre sorteamos uma porrada de brindes, arrumamos algumas confusões, e é claro, deixamos de dormir.

Acontece que a edição deste ano teve um Q de especial. O site principal do evento ficou indisponível para compra dos ingressos por 16 dias, isso porque um grupo de Hackers o atacou utilizando uma botnet com mais de 16.000 zoombies.

@vampyryty, um dos autores do ataque e principal acusado, esteve na nossa bancada e contou, com detalhes, o que aconteceu:

 

vampyryty, por que vcs atacaram o site da #cpbr6 ?

Resposta: Foi um jeito de protestarmos contra o aumento de preços do ingresso para #cpbr6 – Vale lembrar que o ingresso da edição do ano passado, #cpbr5, custava R$ 150,00. Valor desta edição ficou em R$ 300,00. Fora o Camping e a alimentação. Ambas foram compradas a parte na edição anterior.

vampyryty, foi fácil arrumar a botnet para realizar os ataques ?

Resposta: Já tínhamos há algum tempo. Elas foram as mesmas utilizadas para os ataques contra o Bradesco, Santander e tantos outros bancos brasileiros.

vampyryty, vc soube que a organização da #cpbr6 conseguiu apoio da Polícia Federal e da Polícia Militar para tentar te encontrar ?

Resposta: Sim, soube aqui dentro. Estou cagando e andando. Mas vc foi parar na PF, o que aconteceu ?

Não posso comentar, mas não fiz nada. Só fui chamado como testemunha.

vampyryty, vc participará de todos os dias da #cpbr6 ?

Não, só até quarta-feira.

vampyryty, obrigado pela entrevista e se cuida..

É isso aí galera. Não podemos esquecer que o Hacker Zoltan El Diablo, também participou dos ataques e deu muita risada das promoções que rolaram por aqui.

Vale lembrar que ambos participarão da primeira edição do HackingDay 2013