Como muitos  que leem este blog já sabem, o H2HC se tornou um clássico e já reconhecido evento, não só no Brasil, sobre segurança da informação. Palestrantes de diversas partes do globo já vieram até as nossas terras tupiniquins para falar sobre seus projetos, vulnerabilidades e descobertas em um dos 9 h2hc’s que já foram realizados.

A organização do H2HC lançou, ontem, as regras para o seu Capture the Flag, que nada mais é que uma disputa para testar os conhecimentos dos participantes do evento. Acontece que as picunhas com algumas pessoas do mundo da segurança da informação continuam, infelizmente.

Vejam vcs – partes destacadas abaixo em negrito:

AGRADECIMENTOS:

HACK N’ ROLL

TAREFAS ENVOLVIDAS:

– Proteger a infra-estrutura da equipe e tentar comprometer os
servidores das outras equipes
– Pontos computados para defesa (tempo decorrido sem que
vulnerabilidades dos servidores da equipe sejam comprometidos) e
ataque (vulnerabilidades de outras equipes exploradas)

NECESSARIOS CONHECIMENTOS EM:

– Engenharia Reversa
– Exploracao de vulnerabilidades web
– Desenvolvimento de exploits
– Fuzzing

REGRAS:

        – Nunca ter feito cursos da Gazela do Satanas
        – Nunca ter participado de eventos na mesma data que o H2HC
        – Nao ser ex-anonymous
      – Nao possuir conhecimentos da Arquitetura LV (seria injusto com os
outros participantes)
        – Nao programar em assemblai
        – Nao ter quebrado o SSL com o Burp
– Maximo de 06 equipes
– Maximo de 06 membros por equipe

OBJETIVOS:

– Global Cyber-War -> Dominar o mundo (quase que literalmente)

INSCRICOES:

Email para: ctf *noSPAM* h2hc.com.br contendo:
– Nome dos participantes
– Email dos participates

Pessoal, vamos deixar essas picunhas de lado e produzir conteúdo de peso para a área. Já soube de gente que deixou de arrumar um bom emprego por causa de algumas das discussões que aconteceram na Brasil-underground.

P.S.: Isso me fez lembrar da treta que rolou sobre a camiseta Hacker Hero – aquela que disseram que plagiamos, mas que na verdade, foi o plágio do plágio.

O engraçado é que o dinheiro da arrecadação das camisetas vendidas no blog seria revertido para compra de livros, os quais seriam sorteados.

P.S.S.: Eu ainda acredito que o post/convocação para o capture the flag desta edição foi uma brincadeira. Juro que acredito.