Em 2008 foram roubados dos laboratórios da Kaspersky o código fonte do seu anti-vírus, um dos mais utilizados e respeitados em todo o mundo, até então, ninguém sabia o que tinha sido roubado ou se o que fora roubado era de grande valia.

O código fonte em questão diz respeito a versão 8.0, foi desenvolvido em C++ e Delphi e trás todo o mecanismo de funcionamento do anti-vírus do anti-phishing, anti-dialer, anti-spam, parental control e outros módulos.

O Kaspersky está atualmente na versão 11, mas o código fonte da versão 8 dá uma excelente ideia de como um anti-vírus funciona.

Está curioso em saber como é, então você poderá acessa-lo via o seguinte link.

P.S.: Vale lembrar que eu não armazeno nenhum código fonte de terceiros no Coruja de TI, eu simplesmente estou repassando uma informação obtida pelo Softpedia. Crackers e criadores de vírus em todo o mundo devem estar relendo o código pela sétima vez.