A Folha online lançou a seguinte notícia hoje: Brasil corre para adotar novo padrão mundial de navegação relacionando este título com o fim dos endereços IPv4 e a “corrida” que as grandes empresas de TI estão tendo para migrar ou adotar o IPv6 em sua infraestrutura.

Serei bem sincero, o profissional que escreveu esta nota no site da Folha (terá sido um estagiário ? sinceramente não vejo outra explicação) pesquisou errado no Google, a notícia menciona que as empresas têm que correr pois têm um prazo de apenas 16 meses para finalizar todo o processo, não deve estar falando sério.

Primeiro o prazo para um projeto destes de 16 meses é excelente, segundo que várias empresas estavam se preparando há 2 anos já que a “escassez” dos endereços IPv4 não veio do nada. Se ele está correndo agora é devido ao mal planejamento, má gestão ou desconhecimento total do mercado.

Mais uma vez está provado que não é só ter diploma de jornalista para escrever sobre uma notícia, ele precisa entender um pouco sobre o assunto, principalmente quando falamos sobre TI, caso contrário, teremos esse tipo de noticia, como a que saiu na Folha.

Voltando ao assunto da migração do IPv4 para o IPv6, há uma série de artigos muito bem escritos pondo um fim em diversos mitos que foram criados por jornalistas, profissionais de TI e até mesmo por alguns órgãos governamentais brasileiros.

Eu ainda não pesquisei e é uma dúvida que eu tenho: Será que teremos que pagar mais uma grana para conseguirmos um range IPv6 ? Caso a resposta seja sim, imaginem o montante financeiro que o órgão que faz a gestão do endereçamento IPv6 no Brasil irá faturar em pouco tempo ?!