O Federal Communications Commission (FCC), órgão regulador da área de telecomunicações e radiodifusão dos EUA deu sinal verdade para as empresas, principalmente as de TI, explorarem os espaços em branco dos canais de televisão, com isso será possível a implementação de transmissão da dados sem fio com uma velocidade superior do que a tecnologia atual.

O super wi-fi utilizará as frequências que as empresas de televisão não utilizam, 54-698 MHz, a mesma tecnologia, praticamente, mas com uma velocidade muito maior. As empresas Google, Microsoft, Dell, HP, Intel, Philips, Samsung e Earthlink montaram um grupo para “auxiliar” o governo a definirem e liberarem a utilização destas frequências.

A Google e a Microsoft realizarem testes utilizando o super wi-fi e conseguirem a transferência de arquivos para grandes distância a uma velocidade média de 80 Mbps e para curtas distâncias velocidades entre 400-800Mbps, incrível.

Vários especialistas acreditam que em 2 ou 3 anos teremos acesso a antenas e roteadores wireless disponíveis no mercado, além é claro de computadores e diversos dispositivos preparados para utilizar essas incríveis velocidades.

E o que o super-wifi afeta na vida do pessoal que trabalha com TI ? Muita coisa, primeiro que o maior limitador na utilização de redes wi-fi em larga escala para grandes empresas é a velocidade de transmissão, velocidade essa que hoje é limitada em 54Mbps e dividida entre os vários usuários que utilizam a mesma antena para conectarem os seus computadores. Caso haja 10 computadores conectados via wi-fi, cada um terá o direito de usar 5.4 Mbps, caso não haja uma configuração de QOS no roteador Wireless.

Eu acredito que velocidades de 400-800 Mbps possibilitarão a configuração de redes wireless entre servidores para o provimento de alguns tipos de serviços que não sejam essenciais ao negócio, monitoração como exemplo.

Vejo a médio prazo o surgimento de equipamentos de segurança e de redes mais robustos e profissionais do que os atuais para o suporte de redes wi-fi de alta velocidade ou super wi-fi, nos resta aguardar.