A VMware anunciou na última semana a disponibilidade de uma distribuição SUSE na versão Linux Enterprise Server 11 SP1 (SLES), esta distribuição permite que os clientes rodem uma quantidade ilimitada de máquinas virtuais com SUSE, uma briga direta contra a RedHat, empresa essa que limita a quantidade de licenças por máquinas virtuais, caso eu não esteja enganado, para cada licença RedHat adquirida para ambiente Virtual, é possível instalar dez máquinas virtuais por host ESX físico.

Pensando financeiramente, a implementação de um ambiente virtual utilizando Linux SUSE sairá muito mais barata que utilizando RedHat. Abaixo segue uma lista dos benefícios do casamento entre SLES e VMware:

  • Lower cost of ownership – SLES for VMware can be leveraged at no additional cost and comes with a free subscription to patches and updates.
  • More efficient support – Streamline your support experience by receiving technical support for SLES for VMware directly from VMware.
  • Enterprise-level capabilities – SLES for VMware delivers the proven reliability and high-performance of an enterprise Linux operating system, making it a great choice for running any mission-critical applications in a VMware vSphere environment.
  • Improved IT agility – Deploying new resources on VMware vSphere using SLES for VMware is extremely simple and fast because every qualified VMware vSphere license gives you unlimited virtualization rights with the ability to run as many SLES for VMware virtual machines as you want on every qualified VMware vSphere host.
  • Lower risk – SLES for VMware offers up-to-date support and certification for applications as well as a high degree of interoperability among supported platforms.
  • Broad application support – SLES for VMware provides the most extensive application support among any enterprise Linux operating with more than 5,000 applications certified, allowing you to run the applications that best suit your business needs.

Para fazer o download da imagem do SLES 11 SP 1 é só seguir os passos deste Link.

Para aqueles que desejam aprender SUSE, á uma série de livros da Novell especializados em SUSE que vocês encontrarão na Amazon e os cursos oficiais de SUSE são ministrados em SP pela Impacta, já vieram me perguntar se há mercado para trabalhar com SUSE, há poucas empresas no Brasil utilizando o SUSE, diferente da Europa. Por aqui, a utilização do SUSE é feita em ambientes Linux que rodam SAP devido a facilidade de configuração e aplicação de patches de segurança.