Alguns indivíduos e grupos “hackers” estão se mobilizando para realizar um ataque DDoS contra o site do TSE, órgão federal responsável pelas eleições de nosso país.

Como a maioria já sabe, o site do TSE sofre uma avalanche de requisições no momento da apuração dos votos. Milhões de brasileiros verificam qual ladrão ou melhor, qual político foi eleito, acessando-o. Ele é confiável e os seus resultados costumam ser completados até às 22:00 do mesmo dia da eleição.

Uma verdadeira operação de guerra é montada em volta da infra responsável pela apuração dos votos. Tem o backup do backup de quase tudo. Servidores, roteadores, link e afins.

Mas a pergunta que fica: “Será que o TSE estará preparado para um ataque em massa, n vezes superior se comparado com o ataque sofrido pelo site da #cpbr6 ?”

Algumas informações importantes:

  • O site do TSE não pode ser hospedado em um servidor fora do país.
  • O resultado das eleições só interessam aos brasileiros, correto ?  Então todo o tráfego internacional pode ser bloqueado, deixando os grandes portais responsáveis por tal informe  para fora do país?!?!

Well, veremos as cenas dos próximos capítulos neste próximo final de semana.

Atualização:
Ataques DDoS Layer 4 e Layer 7 estão sendo organizados

Link,Firewall, IPS. Roteadores, vários servidores de cache com varnish e web server com Nginx deverão ser preparados..
 

Compartilhar:

Este post tem 3 comentários

  1. Uma pequena correção… Você colocou Eleições 2013, e é 2012

  2. Mas mesmo que seja blackhole da para camuflar o ataque para ips br

  3. Eu não vou participar…. O meu intuito é somente não deixar o site da CPBR6 voltar sem os reajustes… 🙂

Deixe uma resposta

Fechar Menu