Tecnologias como virtualização e Cloud Computing são responsáveis por diminuírem a quantidade servidores dentro dos datacenters de grandes e médias empresas, mas o provedores destas tecnologias como Google, Microsoft, RackSpace entre outros, precisam cada vez mais de espaço e servidores para atender a crescente demanda.

O crescimento da quantidade de usuários do Facebook, hoje com mais de 500 milhões, e do Twitter é um dos principais motivos que as empresas WEB 2.0 ou de redes sociais tem para justificar a construção de datacenters próprios, foi o que fez o Facebook onde o seu Datacenter será construído na cidade Prineville, no Estado do Oregon/EUA, foto abaixo demonstrando o cerimonial.

Um história interessante é que a Google e o Facebook irão montar os seus datacenters no mesmo Estado, Oregon, acontece que existe um código igual ao do filme Clube da Luta, onde você não pode contar para ninguém que você faz parte deste clube, este código existe por motivos de segurança e alguns outros que não vou entrar no mérito.

Um fato engraçado é que as empresas convidam os prefeitos e governadores para visitarem as suas mega instalações, com o que há de mais moderno no mundo, e logo que o cara coloca os pés do lado de fora as empresas não querem que eles falem para o mundo todo que na cidade ou Estado que governam tem um datacenter da Google ou do Facebook lá. São políticos hora bolas.

Tirando de lado o Clube da Luta, empresas como Sun, quando ainda não tinha sido comprada pela Oracle e Microsoft, criaram datacenters o conceito de vender datacenters modulares utilizando contaniers e hoje já existem alguns destes datacenters funcionando.

Datacenter modular da Microsoft por dentro

O vídeo abaixo é uma apresentação de como é o datacenter modular que suporta a infraestrutura para suportar o Bing Map da Microsoft:

Uma informação interessante é que a Oracle continuará com o projeto BlackBox da Sun, datacenters modulares utilizando tecnologia Sun, como demonstrado na foto abaixo:

Neste ano a Locaweb, UOL e Diveo anunciaram milhões de reais em investimentos para aplicação ou criação de novos datacenters para atender a crescente demanda brasileira. Acredito que boa parte do dinheiro investido em seus datacenters foram direcionados para compra de tecnologia de virtualização, utilizando na sua grande maioria VMware, Xen e RedHat, e quanto ao aumento no tráfego de rede, com a implementação de FCoE – 10GB, mas eu não soube da instalação de um datacenter modular container no Brasil.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

Fechar Menu