A Fibra ótica é responsável pela transmissão de mais de 70% dos dados trafegados em todo mundo. Sem ela, nós não teríamos a Internet que conhecemos hoje em dia.

Uma invenção de mais de 3 décadas, mas que atende muito bem as necessidades dos dias de hoje quanto a performance e velocidade. O seu único problema é a sua vulnerabilidade, já que mais de 90% da fibra ótica mundial utilizada para comunicação da Internet entre países e continentes é passada pelos oceanos, sem muita segurança, dai termos uma vez por ano problemas de rompimento de cabos submarinos.

Quando os cabos de fibra ótica são rompidos é necessário executar um processo de união das fibras, denominado Fusão. Este processo já foi um dos mais caros e demorados em todo o mundo, mas hoje, com equipamentos modernos e mais baratos, tornou-se uma coisa simples de ser executada.

Digo isso pois nos EUA, como na Europa e na Ásia há oferta de serviços de Internet Banda Larga, de verdade, utilizando conexões providas por fibra ótica. Os usuários destes serviços conseguem contratar serviços de até 100MB/s, fantástico. Devido a essa demanda, as empresas criaram equipamentos mais baratos e rápidos para executar a fusão de fibras.

O vídeo abaixo é uma demonstração de como funciona a fusão de fibras óticas:

Compartilhar:

Deixe uma resposta

Fechar Menu