Uma menina de 10 anos de idade apresentou no segundo dia de DEFCON um exploit 0-day para jogos que rodam nas plataformas iOS e Android. Este novo exploit já foi classificado como uma nova classe de vulnerabilidade. Precoce a menina ?!

CyFi, como é chamada, é da Califórnia/EUA e é co-fundadora do DEFCON Kyds, a DEFCON para crianças que ocorre nos mesmos dias e no mesmo espaço que a DEFCON.

Aí vai a minha pergunta: São as crianças que estão ficando precoce ou os desenvolvedores que estão fazendo muita cagada ao ponto de uma menina de 10 anos conseguir hackear as suas aplicações ?

Compartilhar:

Este post tem 7 comentários

  1. Gustavo, acredito que seja a garota precoce/inteligente, não podemos falar que são os desenvolvedores fazendo muitas cagadas, assim tiraremos o mérito da garota. Só dela saber codar já é uma façanha, muito garotão aí não sabe. Muito vêm um lado negativo, eu vejo um positivo, afinal isto é sinal de que no futuro teremos SIM pessoas dignas de desenvolver um software, bons CSO’s.

    Abraços Gustavo e galera.

  2. Lembrei de um guri (ou guria)^? que era mcsa (ou mcse) com 12 anos.
    Realmente a garota tem um QI fora do normal para a idade dela, não duvido daqui uns dias ela estar trampando na google! =D

  3. Realmente concordo com todos…QI dela é acima da média só por já mostrar interesse por isso!

  4. Concordo que não podemos por culpa nos desenvolvedores. Essa garota tem uma inteligência fora do normal para idade dela e muita capacidade. Sem dúvida temos que dar parabéns a essa façanha dela!!!!

  5. rsrsrsrsr e porque ninguei viu ainda o meu filho de 8 anos
    o que ele e capaz de fazer.
    hoje em dia nada e 100% seguro quando ele estiver nessa idade
    ele vai ate trocar as veias das cabeças do DEFCON.

Deixe uma resposta

Fechar Menu