Meu próprio CCIE LAB, a saga começa.

Tags: , , , ,

Os que me acompanham há algum tempo sabem que eu já tive um laboratório para testes de segurança quando morava no Rio de Janeiro. Ele era composto por 5 servidores, 1 storage e com todos os equipamentos de rede Cisco necessários para certificação CCIE.

Acontece que eu mudei para SP e não trouxe nada disso pra cá e a minha ex-esposa fez o favor de vender tudo. o_0 – que o demo a tenha, eu preciso montar um novo.

O laboratório do Rio demorou 2 anos para ser montado e ganhou os equipamentos de rede depois que uma empresa entrou em falência e ela havia me “dado” os switches e roteadores como forma de pagamento. Como um passe de mágica, eles apareceram em minha casa. Tecnologia é muito bom, né.!!

Pensando bem, hoje esses equipamentos seriam sucata. Comecei a estudar alguns conceitos de redes avançados utilizando o GNS3, já comentado no blog e excelente. Acontece que ele não emula nem 80% do mundo Cisco e aí começa o problema para aqueles que desejam aprender mais um pouquinho.

Fiz uma cotação para aluguel de um lab cisco CCIE por 3 meses, preço: R$ 9.500,00 por 3 meses. Carinho não ?! Esse preço nem veio da Multirede, onde eu duvido que fosse igual ou mais barato. Daí pensei: por que eu não compro o material de estudo de uma empresa como a ipexpert ? Estou bem enferrujado e dizem que o material deles é o mais completo.

Pois bem, acessei o site e tive a seguinte surpresa:

Por US$ 9.000, você pode comprar o material completo – apostilas, hd externo, vídeo aulas, DVDs, CDs, mas cadê o laboratório para eu colocar o que aprendi em prática ?! O problema do material de estudo para o CCIE pode ser resolvido facilmente dando uma navegada em um dos meus pequenos storages de 2TB que ficam ligados 24 horas por dia, única e exclusivamente dedicados à ajudar o demonoid à existir.

Blz, achei o material para o CCIE R&S 4.0 para “consulta” e agora falta o lab. Acessando o eBay, eu acabei achando esse carinha:

Lindo não?!. Deve ter gente gozando por aí, mas só tem alguns probleminhas:

  • Custa US$ 7.000
  • Não aceita cartão de crédito ou paypal, só transferência bancária, por eu ser do Brasil – ser brasileiro às vezes é bem ruim.
  • O custo dos impostos brasileiros, aqueles nossos velhos amigos que nos fazem desejar o fim de diversos políticos

Vamos imaginar que eu ganhei na loteria, como os anãos do orçamento e tenho a grana para comprá-lo, paguei parte dos impostos (como bom brasileiro, eu dei um jeitinho) e as 7 caixas chegaram. Show de bola né ?! Um lab CCIE só meu, para ficar brincando e estudando. Mas estou/estarei com outro problema. Convencer o pessoal de casa que este pequeno kit de estudos não é barulhento e nem gasta tanta energia, e isso meus amigos é um serviço para o Chapolin Colorado. Alguém tem o telefone dele ?

Vai ter gente falando que estou brincando e não irei comprar lab nenhum. Well, quem me conhece sabe que sou viciado em tecnologia, exemplo disso é a filial da fortaleza da solidão que montei em casa. Biblioteca, sala de jogos e tenho até o krypto ou o que restou dele depois de uma bela volta no Parque do Ibirapuera.P.S.: O nome dele é Nicolas e ele está com essa roupa pois tá bem frio em SP.

COMPARTILHE ESTE ARTIGO

COMENTÁRIOS

27 comentários em “Meu próprio CCIE LAB, a saga começa.

  1. Renan

    Estou tentando montar um lab parecido.
    Estava cotando pelo ML e pelos foruns da vida.
    Até cheguei a comprar um 1800, mas conversando com um fornecedor oficial e vendo que o preço que comprei estava muito fora do mercado (para baixo), percebi que a origem do equipamento era “duvidasa”.
    Não me sintiria bem comprando estes equipamentos, mas pagar 1100 por cara roteador(levando em consideração que precisaria de uns 3 no minimo) vai dificultar um pouco a chegada neste lab.

  2. Elson

    Gustavo cara, uma coisa que eu quis sempre ver foi teu currículo. Principalmente as suas certificações. 🙂

  3. Josiana Rafaela

    ” Lindo não?!. Deve ter gente gozando por aí ”

    \o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O/\o/\O

  4. Azir

    que ódio da ex hein rsrs

    é realmente experiencia na área e ainda em outros países é bem interessante na hora de arrumar um bom emprego

  5. Gustavo Lima

    primeira vez q estou vendo essa solução. Preciso verificar o conteúdo deste rack, além de saber para que serve o servidor que está conectado em todos os switches.

  6. Beline

    Por favor Gustavo, assim que der aquela olhada no rack, nos brinde com um belo post sobre, ok?
    []´s
    Beline

  7. Edson Soares

    Lindo, meus olhos encheram de lágrimas.

    Montar um lab para o CCIE não é das tarefas mais fáceis e muito menos baratas…

    Boa sorte e estamos de olho na jornada 😉

  8. CaveiraDTI

    Meu colega de trabalho estamos lutando aqui na empresa para emplantar um desses, e vc monta um desses so pra vc em casa rsrsr. Ta rasgando dinheiro na frente de pobre rsrsrsr.
    Mas parabéns pela aquisição

  9. ramon

    O material do LAB que o Beline citou nada mais e que o GNS se interface grafica (Dynamips)e os switchs fisicos. “This is an example of how to ?build your own 99% real CCIE rack using dynamips and 4 real switches.”. Montei uma maquina com esse proposito, atualmente 5 portas ethernet e muita memoria com um processador consideravel, mas pensando na CCNP. o problema sao as interfaces seriais.

  10. Beline

    Ramon,
    Comente mais conosco sobre o hardware que vc utilizou… Está usando quantos Switches e de que modelos? Pagou quanto, comprou aonde? [rsrsrs, qtas perguntas…]
    []´s
    Beline

  11. ramon

    Beline, nao terminei de montar o LAB ainda, estou procurando os switches (1 35xx e 2 29xx) os melhores precos ate agora foram do ebay (mesmo com frete e impostos), mas a maquina que eu montei nao tem nenhum hardware especial, a diferenca mesmo fica por conta da quantidade de placas de rede, que podem tambem ser substituidas por interfaces USB/Ethernet. O processamento exigido pelo Dynamips/GNS e grande, mas tambem pode ser reduzido via configuracao. Essa maquina eu uso tambem para estudar Linux (virtualizacao e clusterizacao, Firewall). A maquina tem 4GB de RAM, 2 HD’s 500GB, Phenom II X4, 1Giga Ethernet, e 4 Fast Ethernet.
    Qualquer duvida pode perguntar.
    Att

    Ramon

  12. JP

    Considerando os custos eu acharia melhor montar um lab hibrido como falaram acima. Mas dizem que da pra estudar 99%. Alguem sabe o que não da pra fazer com um lab desses?

  13. Eduardo Simão

    Eu estou pensando em montar um lab para CCNP e CCIE, mas o problema é colocar um rack de 44us lá em casa….

    OBS: A sua EX-mulher ta morta ou deve ser muito gostosa ( com todo respeito) pois paracabar com um Lab desse…..

  14. Beline

    Galera, alguém já tentou comprar algum equipamento Cisco lá nos hermanos [paraguay]?
    []´s
    Beline

  15. Gustavo Lima

    Conheço pessoas que se arrependeram já que compraram equipamentos pirateados. Sim, a Cisco possui cópias piratas provenientes da China.

  16. Victor mosconi

    Só tem coisa velha… router 2 x 25xx, 3 x 2610, 4 x switch 2950, e 3 eqpto q nao sei qual é.

    e 3 x 1841 (ainda em uso)

    os 25xx acha por menos de 100 reais
    os 2610 por 250 reais cada
    os 2950, por 300 cada

    e os 1841 q da para achar usado por 400 reais
    dos q eu conheço, da para comprar por menos de 3400 da para comprar . mais os q eu nao conheço.

    lembrando q os 25xx e os 2610 nao aceital vlan, por as portas sao 10/10 e nao 10/100

  17. DeepSky

    Olá parabéns pelo blog sempre dou uma olhada, acredito que tenha participado do ótimo e falecido grupo do yahoo knowledge_br, que foi um dos “starts” nessa área de compartilhar conhecimento e notícias.

    Sobre equipamentos Cisco, nos EUA os equipamentos mais velhos, que podem e funcionam para estudo de CCIE (você não precisa ter um laboratório CCIE full , oque se aprende até uma coisa velha com o o 2500 serve não é…) é o preço de envio, o frete, por serem coisas pesadas, especialmente os switches, um equipamento de 50 dólares passa facilmente de 100, 200 até 300 dólares de frete, vários ao mesmo tempo se torna impráticavel, daí a taxação do governo brasileiro acabe de destruir a empreitada…

    No Brasil o auto didata é sempre massacrado, e as condições de custeio para tentar estudos mais sofisticados nas áreas de tecnologia é sempre nula.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

MENU