Essa semana, um amigo do trabalho lembrou uma frase célebre do Romário: Gosto do que eu faço e ainda recebo por isso. Essa frase veio depois de um conversa referente ao que o SindPD está falando quanto o reajuste salarial de 2011, reajuste esse que está em negociação com empresas e órgãos governamentais.

Alguns considerações que eu tenho quanto ao mercado de trabalho de TI brasileiro e o SindPD:

  • O SindPD teima em criar uma lei que obrigará os profissionais de TI a terem o diploma de nível superior para poderem trabalhar na área, totalmente na contra mão do mercado brasileiro, quem não lembra da decisão do STF de que para trabalhar como jornalista não é necessário ter diploma de nível superior na área.
  • Salários e melhores ofertas de emprego sempre foram regidos pela lei da oferta e da procura, por isso temos altos salários no mercado de TI, temos muitas vagas, mas poucos profissionais capacitados. Vá em uma universidade brasileira e veja o nível de aprendizado dos estudantes quanto à TI, é lastimável. Por que o SindPD não contribui criando um comitê com grandes empresas de TI para melhorar a grade curricular das universidades brasileiras ?
  • Eu ouvi várias vezes de funcionários públicos do Estado de SP que trabalham com TI reclamações quanto aos seus salários, e eu sempre dizia: Está insatisfeito ? Estude e procure outro emprego! É fácil reclamar e pedir para que os outros resolvam os seus problemas, agora estudar e trabalhar corretamente que é bom nada né!. Um funcionário público de TI trabalha tem uma carga de trabalho muito inferior se comparada aos seus colegas de empresas privadas, isso por causa do dia do funcionalismo público, licenças e outras coisitas mais que eles têm direito.
  • O SindPD chega e fala em greve, o Brasil possui um índice de desemprego na casa dos 6.5% nas principais capitais. Entrou em greve manda embora, deixa o desempregado ir trabalhar, simples não?! Ficar em casa, reclamando, sem trabalhar e recebendo o salário todo mês todo mundo quer.
  • E as gigantescas filas todos os anos para a desfiliação do SindPD ? Você sempre terá que ir até lá, assim mesmo tendo entregue 10 cartas nesses últimos 10 anos.

O profissional de TI brasileiro precisa de algumas informações antes de reclamar do seu trabalho:

  • O Brasil possui as melhores empresas e salários da América Latina e América Central.
  • Temos FGTS e outros direitos assegurados pela CLT que nenhum povo em nosso extenso continente possui.
  • Não adianta reclamar que os empregos estão em SP, RJ e MG, é aonde ficam as grandes empresas.
  • Começou a trabalhar com suporte, saiba que a sua vida social terminou no segundo seguinte, foi uma escolha e ela foi sua.
  • Quer reduzir a sua jornada de trabalho ? Saiba que sempre haverá alguém que trabalhará mais do que você e por menos, já mencionei que temos 6.5% de índice de desemprego ?? então …  não se esqueçam disso.
  • Muitas empresas reclamam que possuem vagas em aberto, mas elas esquecem de dizer que querem um analista sênior pagando o salário de um estagiário.

Em resumo galera, está insatisfeito, mexam-se, estudem, corram atrás, eu que não vou fazer greve para ajudar o sindicato a montar uma mega festa no final de ano.

Compartilhar:

Este post tem 6 comentários

  1. Pena que ninguém vê a verdade como você mostra Gust, eles só pensam em greves, manifestações que nada mais são que desculpas para não trabalhar… Não acha correto o que ganha, batalhe e corra atrás de emprego melhor…

    Se esse sindicato for obrigatório, ai o povo de TI terá problemas que acontecem em qualquer outro sindicato… E depois não reclamem das baixas nos salários e nas oportunidades…

    Grande post. Todos deveriam ler. Abraços.

  2. No Brasil só existe o fgts pois não temos nenhuma cadeira financeira no segundo grau, muito menos no primeiro grau. Sem contar que todo folgado que quer receber esse maldito fundo comeca a trabalhar mau para ser demitido, e isso sempre respalda em quem trabalha com ele pois precisa fazer o que ele nao faz.

    FGTS e INSS é só coisa do brasil, la fora as pessoas fazem poupanca a vida toda para sobreviver quando ficam idosos.

    Brasil, um pais de todos…. rs

  3. Pensamento pequeno. Vocês lembram da greve que o roteiristas de hollywood fizeram? Eles são “primeiro” mundo… e conseguiram oque queriam.

    O mundo é capitalista, e o sistema gera desajustes. OU vocês são ingênuos e acreditam que o patrão/chefe vai por livre e espontanêa vontade reajustar você justamente ? (Não se pode generalizar).

    Não tem FGTS na Argentina, mas tem panelaço…. ih?

    Visão unilateralista nunca leva nada! Não precisamos ser marxistas-extremistas nem capitalistas selvagens.

    Vamos pela linha do meio. O Sindicato é muito importante, pois concentram interesse da maioria. Você não concorda com a maioria? Então como você defende o capitalismo e a democracia?

    Menos né….

  4. Don`t hate the player, hate the game. Dê o seu dinheiro ao sindicato, a escolha é sua.

  5. é uma palhaçada ter que dar parte do salario e ter que ir la todo ano para não precisar dar a paulada em março.

    Quantos dias de trabalho a gente da em março mesmo? PQP!

    Agora, a greve é discutivel.
    A greve normalmente acontece para os que ganham menos, e até por isso, quem ganha mais, acaba apoiando.

    Não posso reclamar do meu salario (5 digitos), mas tem gente que ganha BEM menos.

  6. Sou totalmente a favor de se ter um piso para a profissão e de se valorizar quem estuda e faz faculdade, os índices de desistência são os mais altos, os salários são relativamente baixos comparados a outras profissões e tem que ficar se matando de trabalhar e estudar o resto da vida, enquanto nas outras profissões as pessoas tem uma certa folga e tempo para viver.
    Ti no Brasil está falida, só ganha bem quem é extremamente especializado e isso falta mão de obra até lá fora, o nível das faculdades é lastimável e a pessoa tem que estudar em média de 4 a 5 anos para ter um diploma que não vale nada.

    Por isso não recomendo que ninguém faça faculdade de informática, recomendo que se façam engenharia e depois uma especialização em informática. Se for contratado como engenheiro, mesmo não sabendo nada ou geralmente fazendo serviços administrativos vai começar a ganhar bem, o que em TI a pessoa demora no mínimo 5 anos para talvez chegar nesse patamar.
    E outra coisa quem é chef e contrata o povo de TI não é da área e não está nem ai para a qualidade, se não der certo vão contratar outro mais barato sempre, está cheio de pessoas que não são da área e trabalham por qualquer salário.

Deixe uma resposta

Fechar Menu