Já comentei no blog sobre o Varnish, um servidor de cache muito utilizado no mercado.

O vídeo abaixo foi criado com o objetivo de explicar porque existe o Varnish e as suas utilidades.

O vídeo foi criado para qualquer pessoa que utilize Internet possa entender o funcionamento do Varnish. Quem dera se toda a empresa de TI fizesse vídeos com esse objetivo.

Vale lembrar que a Globo.com utilizar o Varnish como servidor Web.

Compartilhar:

Este post tem 6 comentários

  1. Bom dia Gustavo tudo bem ? Muito interessante o video, mas me tira umas dúvidas:

    1º Ele substitiu um servidor web (apache) ou ele trabalha junto a um servidor web ?

    2º Já que você conhece o mesmo, quando você acha necessário a utilização do varnish ? Em todos lugares, substiuindo o apache por exemplo ou em ambiente com grandes demandas ?

    3º Se for um server web conforme a primeira pergunta. Você sabe me dizer, se é compativel com ferramentas de gerenciamento de domínio tipo: Plesk, Cpanel, Ispconfig etc…???

    Desde já agradeço.
    Parabéns.
    Abraços.

  2. Carlos,

    quanto as suas perguntas:

    1º Ele substitiu um servidor web (apache) ou ele trabalha junto a um servidor web ?
    Vc pode substituir o apache pelo varnish, ele é um httpd server. Vc também pode utiliza-lo como cache, tudo dependerá da sua implementação.

    2º Já que você conhece o mesmo, quando você acha necessário a utilização do varnish ? Em todos lugares, substiuindo o apache por exemplo ou em ambiente com grandes demandas ?
    Grande tráfego web, ára sites que tenham uma grande quantidade de acesso e muitos objetos. Vc pode substituir o apache de vez, porém vc precisará se certificar se todos os módulos necessários para o seu ambiente existem para o varnish ou há substitutos.

    3º Se for um server web conforme a primeira pergunta. Você sabe me dizer, se é compativel com ferramentas de gerenciamento de domínio tipo: Plesk, Cpanel, Ispconfig etc…???
    Sim, é compatível.

    Vi que vc tem um hosting podemos falar mais a respeito se quiser.

    Desde já agradeço.

  3. Srs,

    Conforme podemos ver no video, o varnish NÃO trabalha como webserver, ele somente faz cache reverso, o que é isso? quando o usuario faz acesso a uma pagina X ele mantem ela me memoria, assim que outro usuario solicitar a mesma pagina o servidor web (apache, lighthttp, nginx etc..) não precisa processar novamente, ele já entrega diretamente da memoria, por isso no video ele mostra que de X servidores muda para Y, diminuindo banda, processamento etc… conheço ambientes onde existiam mais de 10 servidores web e com apenas 2 varnish + 2 apache ou seja 4 (menos da metade) o site ficou mais rapido e eficiente (obvio).

  4. Cristiano, vc tem razão, eu vi a implementação de um Varnish só em cache..

  5. como eu desabilito esse negócio???
    grato

Deixe uma resposta

Fechar Menu