Galera, é com grande prazer que anuncio a terceira e última série de vídeos com Adilson Florentino, um dos maiores instrutores Cisco do Mercado brasileiro e contribuidor do site netfindersbrasil.blogspot.com.

Neste conjunto de três vídeos, nós comentamos sobre o mercado de trabalho de TI, o que o os profissionais precisam saber para ingressarem no mercado de infra e muito mais, confiram só:

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Esse último bloco de entrevistas foi um bate papo muito legal com o Adilson Florentino, falamos sobre vários pontos e dicas para aqueles que desejam começar no munda de TI, focando em Infraestrutura.

Espero que vocês tenham gostado e fiquem atentos para as próximas entrevistas e videocasts

Compartilhar:

Este post tem 6 comentários

  1. Gustavo,

    Muito bom mesmo o videocast. Principalmente o assunto das faculdades
    Agradeço muito.

    Forte abraço.

  2. Gustavo,

    Você esta de parabens, muito bom você ter abordado a questão da experiência para o profissional de TI. E o modo de preparação de uma faculdade para o curso técnico.

    Vlw muito obrigado.

    Viva Infra-Estrutura, Redes, e Linux.

    Um grande Abraço

  3. Mais uma vez parabéns pelos ótimos videos.

    Tenho procurado colocação no mercado de TI (hoje não trabalho diretamente com TI) e o que mais tenho observado é que as empresas (pelo menos aqui no RJ) querem um estagiário mas com perfil de profissional (algumas chegam a pedir experiência), querem também um profissional “faz tudo” mas não querem pagar por isso.

    Ao mesmo tempo todas as matérias que vejo sobre o mercado de trabalho dizem que faltam profissionais, mas com as condições que as empresas estão colocando continuara faltando.

    Abraços!

  4. Olá! Enfim consegui assistir 🙂
    Bom, esse é um assunto polêmico, há n! itens que influenciam nossa carreira e formação, mas eu gostaria de tocar em alguns pontos.

    Primeiro, sobre a formação técnica, quando comecei a pensar em TI, não tinha nenhuma experiência e quase nenhum conhecimento, era um usuário, trabalhava em outra área, com medo de entrar na faculdade logo de cara, resolvi fazer um curso técnico, fui a melhor escolha que pude fazer para o meu conhecimento, porém, durante todo o curso técnico, sofri, não conseguia nenhuma vaga, há um grande preconceito com técnicos! Vivi isso na pele. Há ainda por parte dos recrutadores uma idiotice de diferenciar tecnologos de bachareis, tendo em vista que ambos são superiores, porém um mais abrangente outro mais focado.

    Depois, entramos realmente nesse ponto de solicitar requisitos, poxa, imagine, tenho 18 anos, técnico, concorrente à uma vaga de analista de service-desk, querem que eu tenha superior (em curso), certificações, experiencia de anos, aí é … foda.

    Um item que voce não comentaram é sobre QI, um tempo atras lembro de uma materia da info que dizia, 64% dos profissionais de TI, conseguem o emprego atraves de indicação, não sei se o número é real e como chegaram nele, mas é uma realidade, com certeza! Só estou trabalhando hoje, porque conheci amigos durante o técnico e a faculdade, a relação com as pessoas e o networking é fundamental, se não, voce fica ancorado.

    Rafael, tambem passei por isso, via em todos os lugares, faltam profissionais, sobram vagas, as vezes, duvida até onde isso é verdade, onde é mentira, o problema é que cada empresa observa e age de uma maneira diferente. Isso é bom e ruim (rsrs),

    Inglês, nem preciso falar nada né, já perdi mtas vagas… 🙁

    Bom hora chega né 😉

    Gustavo e Adilson muito obrigado! Muito obrigado por disponibilizar seu tempo, suas experiências e suas dicas, sei o quanto é dificil arrumar tempo para conciliar tantas coisas da vida e ainda ajudar este pessoal aqui 😉

    Valeu! Por favor, continuem com o ótimo trabalho nos blogs.

    Abs

  5. Cara bem legal. Um papo construtivo sobre TI!

Deixe uma resposta

Fechar Menu